Destinos

Belo Horizonte

Senac
  • Logo Senac Minas
  •  
  • Hotel Grogotó
  • unidade

Palácio das Artes - Fundação Clóvis Salgado

  • Belo Horizonte - Palácio das Artes - Divanildo Marques
  • Belo Horizonte - Palácio das Artes - Divanildo Marques
  • Belo Horizonte - Palácio das Artes - Divanildo Marques
  • Belo Horizonte - Divanildo Marques
  • Belo Horizonte - Palácio das Artes - Divanildo Marques
  • Belo Horizonte - Palácio das Artes - Divanildo Marques

Isso é um mundo de artes que vocês têm em Belo Horizonte!”  Bibi Ferreira


Palácio das Artes, este é o grande templo das artes mineiras. “O Palácio das Artes é um centro cultural único no seu gênero. Agrega num só endereço dois teatros, quatro galerias de exposições, sala para concertos de câmara, sala de multimeios, cinema, espaços de convivência internos e externos, salas de ensaio, biblioteca, musicoteca, videoteca, ateliês e oficinas cenográficas.” (FCS)


- Grande Teatro
– Com 1.707 lugares, é a maior e mais confortável casa de espetáculos de Minas Gerais.


- Grande Galeria – Abriga as mais expressivas exposições montadas em Minas Gerais.


- Cine Humberto Mauro
– Reduto dos cinéfilos e estudiosos, possui 158 lugares. Promove regularmente mostras, festivais, lançamentos de filmes, debates, palestras e seminários relacionados à produção cinematográfica mundial.


- Teatro João Ceschiatti – Possui 148 lugares e é um teatro de arena adequado a montagens teatrais.


Sala Arlinda Corrêa Lima – Adequa-se a exposições, lançamentos, desfiles e até espetáculos.


Sala Genesco Murta  -  É um espaço privilegiado para as artes plásticas.


- Sala Juvenal Dias – Destina-se à música de câmara, palestras, lançamentos, seminários, etc. São 168 lugares e uma refinada acústica.


A Fundação Clóvis Salgado, hoje, é a maior instituição de fomento, apoio, produção e difusão das artes e da cultura de Minas Gerais. Além da Banda Sinfônica e do Coral Infantil, mantém três  corpos profissionais:


- Orquestra Sinfônica  de Minas Gerais


- Coral Lírico


- Companhia de Dança


Juscelino Kubitschek, quando prefeito de Belo Horizonte, idealizou construir um Teatro Municipal que chegou a ganhar um projeto de Oscar Niemeyer. Mas a obra só se tornou realidade em meados da década de 60, na gestão do Governador Israel Pinheiro. Com o nome de Palácio das Artes a grande casa de espetáculos foi inaugurada em 30 de janeiro de 1970. Nesse mesmo ano, foi criada a Fundação Palácio das Artes. Em 1978, ela passou a se chamar Fundação Clóvis Salgado em homenagem ao professor, médico, ex-governador do Estado, ex-Ministro da Educação e Cultura e ex-Secretário da Saúde, pela sua dedicação e empenho para mobilizar verbas para a conclusão das obras.


Visitas guiadas podem ser agendadas pelo e-mail relacoespublicas@fcs.mg.gov.br


Fonte: Informativos da Fundação Clóvis Salgado.

Enviar link