Destinos

São Tiago

Apresentação

  • São Tiago - Igreja Matriz de São Tiago - Daniel Souza
  • São Tiago - Igreja Matriz de São Tiago - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Igreja Matriz de São Tiago - Daniel Souza
  • São Tiago - Escola Municipal - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Forno de Biscoitos na Praça - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Centro - Daniel Souza
  • São Tiago - Igreja Matriz de São Tiago - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Capela - Daniel Souza
  • São Tiago - Praça Ministro Gabriel Passos - Daniel Souza
  • São Tiago - Centro - Daniel Souza

São Tiago é um dos portões para o Circuito Trilha dos Inconfidentes. Logo na chegada, chaminés chamam a atenção dos visitantes para os fornos que assam os mais diferentes tipos de biscoitos ali produzidos – são mais de 60 tipos - e que conferem a São Tiago o gostoso título de “terra do café-com-biscoito”.


A habilidade para fazer quitandas é uma tradição que acompanha a trajetória do município cujas origens remontam a 1708, quando bandeirantes espanhóis chegaram à região a procura de ouro na Fazenda das Gamelas e na Fazenda da Vargem Alegre. Numa localidade entre o Rio Jacaré e o Rio do Peixe, fundaram o primeiro núcleo de povoamento. Foram eles que trouxeram o culto ao santo para aquelas paragens. Em 1761, os primeiros moradores da região receberam licença da autoridade eclesiástica para erguer uma capela em homenagem a São Tiago Maior e a Santana, em torno da qual se formou um pequeno arraial. Em 1849, São Tiago se torna distrito de São José Del Rey, atual Tiradentes, e, mais tarde, de Bom Sucesso. Em 1948, é finalmente elevado a município.


Hoje, sua história está registrada em documentos, fotos, móveis e objetos que formam o acervo da Casa da Cultura. Alguns casarões, passos da Via Sacra e igrejas também são parte da memória da cidade.


Na Praça Gabriel Passos, a Igreja Matriz, construída entre 1902 e 1922, tem seu altar-mor dedicado ao padroeiro São Tiago Maior, ladeado por Santana, à direita, e São José, à esquerda. As pinturas, a imaginária e os retábulos laterais lhe conferem harmonia e uma atmosfera de paz. Uma pequena imagem de São Tiago, em madeira, trazida da Espanha, é uma das relíquias do patrimônio histórico municipal.


Uma outra edificação local desperta a curiosidade. Trata-se da Igreja do Senhor dos Montes, com suas paredes repletas de inscrições. Externamente, elas se referem à Marinha, ao Exército e à Aeronáutica, com datas e fatos que ocorreram durante a participação do Brasil na Segunda Guerra, e internamente, a temas bíblicos. A capela está mais afastada do centro e dela se avistam os bonitos campos que cercam a cidade.


Atualmente, a tradição dos biscoitos virou coisa séria e se transformou em uma das principais fontes de ocupação e renda da população. Uma associação de produtores de biscoitos – a Assabiscoito, instalada sob o coreto da Praça Ministro Gabriel Passos, vem trabalhando essa atividade econômica na perspectiva de se desenvolver o Turismo no município, considerando a adesão de São Tiago ao Circuito Trilha dos Inconfidentes. Uma festa relacionada ao produto já se tornou o principal evento da cidade e vem alcançando expressão regional. Trata-se da Parada do Café Com Biscoito, realizada anualmente no segundo final de semana de setembro, um verdadeiro festival de degustação que acaba sempre numa “comilança” geral.


As guloseimas são variadas. Quitandas de todo tipo fazem parte do cardápio: biscoitos, roscas, bolos, torradas, pães de queijo, pães folheados, etc. Tudo acompanhado de um saboroso café.


A festa acontece na Praça da Matriz. Começa na sexta com shows musicais, se prolonga pelo sábado com degustações nos stands, oficinas e atividades culturais, e termina no domingo, quando acontece o desfile, mostrando a presença marcante do biscoito na vida da cidade, uma tradição que não pode faltar a qualquer visita, casamentos e velórios.


Disso, resulta a intensa variedade, dando vazão ao talento e à criatividade: biscoitos de nata, côco, fubá, leite condensado, flocos, maracujá e essências diversas. Os famosos biscoitos de polvilho são confeccionados em diferentes sabores: alho, cebola, orégano, pimenta, pizza, parmesão, etc. Doces de frutas, licores e queijos também estão na Parada. Para redimir a culpa por tanta provocação, os produtores oferecem biscoitos diet. E há quem rebata boas cachaças se deliciando com outros petiscos, entre eles, apetitosas lingüiças servidas com angu ou com pão de queijo.


Na produção, tradicionalmente, são as mulheres que põem a “mão na massa”. Os homens são apenas forneiros, a maioria, de fornos a lenha. Dizem que o segredo da qualidade dos biscoitos está na habilidade para lidar com a massa - na opinião dos homens, “as mulheres acariciam as massas”. E não há preocupação obsessiva com a produtividade, mas sim com a qualidade.


Durante a Parada, além de oficinas de práticas profissionais, uma atividade lúdica chama a atenção: é a Oficina do Biscoito Falante, onde os participantes fazem modelagens com massa de biscoito e contam histórias diversas, um momento oportuno para a interação entre os turistas e membros da comunidade.


Outros eventos importantes para a cidade são: o Dia dos Santos Reis, a Semana Santa e a Festa do Padroeiro, em 25 de julho.


Mas, nem só de biscoito vive o povo de São Tiago. O município produz doces caseiros, derivados de mandioca, cana-de-açúcar e leite, artefatos de couro e artesanato como crochê, tricô, bordados e tear. Seu solo é rico em jazidas de minério de ferro, manganês, bauxita e tantalita. O cultivo de maracujá, outra atividade econômica à qual o município tem se dedicado, já conta com uma cooperativa e uma associação com mais de cem produtores.


São Tiago possui alguns atrativos naturais: cachoeiras como as da Solidade e do Simplício; o Balneário da Usina; e o Recanto do Rio do Peixe, que dispõe de área gramada, uma prainha de 200 metros de extensão e duchas.

Enviar link

Região Turística
Central
  • Prefeitura
  • praça Ministro Gabriel Passos, 681 - Centro
    32  3376-1022


    Site Oficial


    Prefeito
    Irimar José Mendes
    Vice-prefeito
    Anilton José de Assis

  • Cidades próximas:
  • Bom Sucesso
  • Itutinga
  • Lagoa Dourada
  • Oliveira
  • Ritápolis
  • São João del-Rei
  • Tiradentes