Destinos

Nova Lima

Apresentação

  • Nova Lima - Teatro Municipal Manoel Franzen de Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Montanhas de Minas  - Acervo/Prefeitura de Nova Lima
  • Nova Lima - Lagoa dos Ingleses - Alexandre Luiz
  • Nova Lima - Retábulo-mor da Igreja N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Detalhe do retábulo da Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - S. Benedito Det. retábulo-mor Ig. N. S. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Det. retábulo-mor da Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Det. retábulo-mor Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Sacrário - retábulo-mor Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Det. sacrário Ig. N.Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Anjo atlante - Retábulo Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - São Benedito - Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Frontão Ig. N. Sra. do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja Nossa Senhora do Rosário - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Matriz Nossa Senhora do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Teatro Municipal Manoel Franzen de Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Praça Bernadino de Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Coroamento do retábulo-mor - Matriz N.Sra do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Retábulo-mor - Aleijadinho - Matriz N. S. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Retábulo lateral - Aleijadinho - Matriz N.S.Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Det. retábulo - Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Rocalha - Det. retábulo Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Cristo - det. retábulo-mor Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Det. retábulo lateral - Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Púlpito - Ig. Matriz N. Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Nave e coro - Matriz N.Sra. do Pilar - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Festa de Nossa Senhora do Pilar em agosto - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Câmara Municipal - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Câmara Municipal - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Fórum de Nova Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Rua Zigue Zague - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Prefeitura, Matriz e Teatro - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Casa Aristides - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Casa Aristides - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Casa Aristides - interior - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Casa Aristides - interior - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Nova Lima - Bicame - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Bicame - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Bicame - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Vitral - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Púlpito - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Interior da Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Coro - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Portal lateral - Igreja Anglicana - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja de Santo Antônio - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Biblioteca Pública - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Casa de Cultura - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Arquitetura de influência inglesa - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Banqueta do Rego Grande - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Igreja Nosso Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Retábulo-mor - Ig. N. Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Sacrário retábulo-mor - Ig. N. S. do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Retábulo de S. Antônio - Ig. Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Interior da Ig. Nosso Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Retábulo lateral - Ig. N. Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Anjo tocheiro - Ig. Nosso Senhor do Bonfim - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Santuário Bom Jesus de Matozinhos - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Santuário Bom Jesus de Matozinhos - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Interior do Santuário do Bom Jesus de Matozinhos - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Ipê em flor - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Honório Bicalho - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Display da Estrada Real - Honório Bicalho - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Mapa - Honório Bicalho - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Mapa Nova Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Informativo - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Centro de Memória da Morro Velho - Acervo/Prefeitura de Nova Lima
  • Nova Lima - Torre Alta Vila - Danielli Vargas
  • Nova Lima - Torre Alta Vila - Danielli Vargas
  • Nova Lima - Torre Alta Vila - Sérgio Freitas
  • Nova Lima - Cavalgada na Serra do Curral - Tropa Serrana
  • Nova Lima - Área de condomínios em Nova Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Áreas de condomínios em Nova Lima - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Torre Alta Vila - Maria Lucia Dornas
  • Nova Lima - Macacos - Divanildo Marques

O ouro e o minério de ferro marcaram o destino de Nova Lima. Seu patrimônio histórico cultural guarda exemplos dessa época. A Igreja Nossa Senhora do Rosário, a Igreja do Senhor do Bonfim e a capela de São Sebastião pertencem ao período colonial. Quintas, bicame, Rua Zigue Zague, Igreja Anglicana são legados do período em que os ingleses administraram a Mina do Morro Velho. O século 20 é marcante pela arquitetura art déco do Teatro Manuel Franzen de Lima.


A cidade preserva suas antigas manifestações culturais, Guarda de Marujos e de Nossa Senhora do Rosário, a Corporação Musical Santa Efigênia, Corporação Musical União Operária, Auto das Pastorinhas, Cavalhada de São Jorge, Cavalhada de São José Operário e Corporação Musical Sagrado Coração de Jesus. Existem também, os vários grupos de quadrilha.


Os vários ateliês de arte e artesanato executam ótimos trabalhos em madeira, bambu, cerâmica e metal. Também existem trabalhos em pintura, fabricação de velas artesanais e mosaicos.


Em um dos limites com a capital, Belo Horizonte e Nova Lima se confundem, já que o maior shopping do Estado está situado entre os dois municípios. O bairro Vila da Serra que abriga os hospitais Biocor, Vila da Serra e o Hospital de Olhos Dr. Ricardo Guimarães, três hotéis,  restaurantes e áreas de lazer também está entre os limites. Muitos belo-horizontinos optaram em residir nos condomínios de Nova Lima.


Outras áreas procuradas são o Vale do Sol e o Jardim Canadá, que hoje é o principal núcleo de concentração industrial e comercial do município, e possui um dos maiores adensamentos populacionais, com, aproximadamente, mais de 5 mil habitantes. Pelo Jardim Canadá se tem acesso ao Parque Estadual do Rola Moça.


Além do Parque Estadual, Nova Lima possui as matas do Tumba, do Espírito Santo, Samuel de Paula, do Zumbi, das Sete Voltas, das Três Barras, Cambimbe, Luzia da Mota, Vargem do Lima, da Mutuca, do Cercadinho, dos Fechos. A diversidade paisagística ainda é composta pelos morros do Elefante, Campo do Pires e Redondo, e as lagoas dos Ingleses, das Codornas e do Miguelão, e a Serra do Curral.


O distrito de São Sebastião das Águas Claras, popularmente conhecido como Macacos, é uma das opções de lazer nos fins de semana dos belo-horizontinos – trilhas para caminhadas, motocross e veículos 4X4, restaurantes e bares. Pelo bairro de Honório Bicalho, às margens do rio das Velhas, passa a Estrada Real.


Ao iniciar o século 18, as bandeiras vindas de São Paulo descobriram que as novas terras que começavam a ser desbravadas possuíam solos fecundos de riquezas minerais, principalmente – ouro! Esse foi o motivo do início do povoamento na região de Nova Lima.


No ano de 1701, o bandeirante paulista Domingos Rodrigues da Fonseca Leme, cunhado de Garcia Rodrigues Paes, encontra ribeirões auríferos e inicia atividades mineradoras; isso foi o suficiente para atrair aventureiros e logo se formar um núcleo populacional. A mineração era feita nas minas de Bela Fama, Cachaça, Vieira, Urubu, Gaia, Gabriela, Faria, Garcês, Batista, Morro Velho e outras.


O local passa a ser conhecido como Congonhas das Minas de Ouro e depois simplesmente Congonhas. Esse nome designa uma erva que era facilmente encontrada na região das minas e era utilizada pelos índios para fazer infusões.


Em 1726, Pedro Peixoto Huna, Pedro de Souza Barros, Antônio Cardoso, Pedro da Fonseca Osório, Manoel Ferreira Barbosa, Damásio da Silva Falcão, José da Costa Vale, Antônio Mina, Firmo Dias, Joaquim da Costa Mesquita, Manuel Rodrigues Lima e o Padre Manuel de Almeida foram agraciados com datas.


Entre a Serra do Curral e a Serra da Moeda, o arraial foi crescendo ao redor da capela do Senhor do Bonfim, depois tomou a direção norte, ao redor da capela de Nossa Senhora do Pilar. Desenvolver ao redor de uma capela e sem nenhum planejamento era o desenrolar natural de todos os arraiais da região das minas.


Pela Lei Provincial nº 50, de 8 de abril de 1836, foi criado o distrito de Congonhas do Sabará. No dia 5 de fevereiro de 1891, pelo Decreto Lei nº 364 foi elevada a cidade com o nome de Vila Nova de Lima em homenagem ao governador Augusto de Lima Júnior. Em 7 de setembro de 1923, passou a se chamar Nova Lima.


Em 1814, a Mina do Morro Velho, de propriedade do Padre Freitas, era uma das mais produtivas da região; contava com 22 empregados e 122 escravos e forneceu 14 quilos de ouro. A falta de recursos técnicos levou a paralisação dos trabalhos alguns anos depois. Em 1834, a mina foi adquirida pela empresa inglesa Saint John del Rey Minning Company Limited.


O estabelecimento da companhia inglesa no distrito marcaria para sempre a vida e o futuro da cidade. O viajante e pesquisador inglês Richard Burton esteve no distrito e relatou: “Congonhas curou-se da decadência e do abandono com que Saint Hilaire a encontrou..." “Há algo de inglês nas casas muito bem cuidadas, tendo em frente canteiros de flores cercados de grades e um regato escuro em leito de ardósia”.


Em 1902, foi criado o Grupo Hidro-Elétrico do Rio do Peixe pelo administrador George Chalmers; em 1933, o grupo já possuía seis usinas geradoras.


“A influência inglesa na arquitetura e no urbanismo é marcante e pode ser vista ainda hoje no bairro das Quintas, local das residências dos dirigentes da mina. As casas foram construídas no centro dos lotes, que são geralmente delimitadas por cerca viva... Também na culinária a influência inglesa pede ser observada. Os cakes ingleses deram origem à famosa 'queca' (corruptela de cake) de Nova Lima, um bolo de Natal feito com nozes, avelãs, castanhas, passas e frutas cristalizadas... Apesar de exercer forte influência nos costumes, no vocabulário e na culinária, os ingleses não tiveram ascendência nas crenças religiosas dos moradores da região. A Igreja Anglicana ministrava seu culto apenas para britânicos” (Carlos Ávila e Rosangela Guerra, 2000).


Vários sobrenomes ingleses ainda são assinados por famílias nova-limenses, descendentes dos antigos trabalhadores – Hodge, Heslop, Gill, Sanders, Nicholls, Lloyd, Jones, Bichart, Morgan. 


Na década de 50, a Morro Velho foi transferida para a empresa americana The Hanna Company. Na década de 60, passou a ser administrada por brasileiros.


A partir da década de 60, as riquíssimas jazidas de minério de ferro passaram a ser exploradas, dando um novo rumo à economia do município.


Uma das mais importantes referências populares do município é o Leão do Bonfim – Villa Nova Atlético Clube. Com sua torcida fiel e entusiasmada, faz parte da história do futebol mineiro; com mais de 95 anos, é um dos times mais antigos de Minas. No estádio municipal Castor Cifuentes, o “Alçapão do Bonfim”, acontecem partidas do Campeonato Mineiro.

Enviar link

Região Turística
Central
  • Este destino pertence ao(s) circuito(s):
  • Ouro
  • Prefeitura
  • praça Bernardino de Lima, 80 - Centro
    CEP 34000-000
    31 3541-4334

    Site Oficial


    Prefeito
    Cassio Magnani Junior 
    Vice-prefeita
    Maria de Fátima Monteiro de Aguiar

  • Cidades próximas:
  • Belo Horizonte
  • Caeté
  • Itabirito
  • Raposos
  • Rio Acima
  • Sabará