Turismo

Circuitos

Serras e Cachoeiras

© Junia Teixeira Cataguases - Vista parcial de Cataguases - Junia Teixeira Vista parcial de Cataguases

Modernismo e Natureza


Localizado na Zona da Mata, esse circuito é compreendido pelas cidades de Além Paraíba, Argirita, Cataguases, Dona Eusébia, Itamarati de Minas, Laranjal e Leopoldina.


Rodeados pelas serras de Minas, os municípios desse circuito apresentam ricos acervos de arte, reúnem diversas belezas naturais e várias opções de passeios por antigas fazendas onde se encontram bonitas cachoeiras e os tradicionais alambiques. Além disso, o visitante pode experimentar o sabor especial da cozinha típica mineira.


No século 19, a Zona da Mata foi uma importante região para a economia do Império, revelando-se uma próspera área de cafeicultura. A memória deste período está nas muitas fazendas e no grande número de bens existente como móveis como louças, mobílias e outros.


No século 18, começaram as primeiras tentativas de povoamento do vale do Rio Pomba que acabaram por provocar uma bárbara matança dos índios Coroados, Coropós e Puris. Foram lutas que duraram décadas. No século 19, o francês Guido Tomás Marlière foi nomeado Diretor-Geral dos índios e coronel-comandante das divisões militares do Rio Doce. Só após um árduo trabalho  de pacificação e catequização na região é que os ânimos entre colonizadores e índios foram acalmados.


No século 19, a busca de novas terras para sesmarias por aventureiros era grande. Depois, foram surgindo pousos de tropeiros que faziam o comércio pelos sertões dos rios Pomba, Novo, Pirapetinga e Pardo. Desses fatos, tem-se a origem das cidades do circuito.


Hoje, a região é rica na criação de gado e na produção de arroz e cereais. As exposições agropecuárias e industriais, com shows e rodeios, são eventos que ali acontecem durante todo o ano, atraindo inúmeros visitantes. Belas cachoeiras, como a da Poeira D'Água, em Leopoldina, são atrativos que tornam o verão sempre mais agradável na região, onde é possível praticar, também, diferentes esportes como pára-quedismo, vôo livre, motocross, canoagem, trekking e cross por trilhas fantásticas, sempre ladeadas de muito verde.


Além da natureza exuberante, as cidades possuem importantes atrativos culturais. Cataguases, por exemplo, possui expressivo acervo de obras de arte moderna. Nele, destacam-se obras de Cândido Portinari, Emerick Marcier, Jan Zack, Bruno Giorgi, Oscar Niemeyer, Francisco Bolonha, Aldary Toledo, Burle Marx e Djanira. A Matriz de Santa Rita de Cássia, pela sua originalidade de concepção e beleza arquitetônica, figura entre as construções de vanguarda da cidade e da região.  O Colégio Cataguases, atualmente Escola Estadual Manuel Inácio Peixoto, cujo projeto é de autoria do arquiteto Oscar Niemeyer, é um marco significativo dentro do ciclo de construções modernas de Cataguases. Ao redor da Praça Rui Barbosa, no centro da cidade, prédios no estilo neoclássico, eclético e moderno compõem um interessante panorama arquitetônico.


Leopoldina, por sua vez, abriga o Museu da Eletricidade - primeiro museu vivo da eletricidade do país, onde estão guardados equipamentos e ferramentas que datam da construção da Usina Maurício, em 1908 - e o “Espaço dos Anjos”, um centro cultural que guarda os restos mortais de Augusto dos Anjos  assim como objetos e documentos que preservam a memória do “poeta da morte”.  Leopoldina abrigou, também, a mais importante estação ferroviária da região, por onde eram embarcadas sacas e sacas de café para o porto do Rio de Janeiro.


O Circuito Turístico Serras e Cachoeiras foi certificado em 12 de maio de 2006
Certificação renovada em 2009/2010


Presidente
Sônia Maria Dias Gonçalves
32  9984-3215
32  8408-9136
soniamaria166@hotmai.com
sonia.dias@correios.net.br


Gestora
Thais de Oliveira Lima
32 33
13-8774
32 8808-9730
32 8803-8630
haislimajf@hotmail.com

vilabrasil@vilabrasilturismo.com.br


Sede do Circuito
avenida Astolfo Dutra, 22 - Centro 
CEP  36700-001
Cataguases

E-mail
serrascachoeiras@gmail.com.br


Atualizado em 24 de março de 2014 

 

Enviar link