Cultura

Manifestações Culturais Tradicionais

Senac
  • Logo Senac Minas
  •  
  • Hotel Grogotó

Onde está a Margarida

Desenvolvimento
Em roda, crianças bem unidas umas às outras, formando um castelo e segurando a saia da Margarida, que está no centro da roda. Do lado de fora, uma criança cantando a primeira quadra dá a volta no castelo. O castelo responde cantando a segunda estrofe. Assim prossegue o diálogo.


Ao cantar "tirando uma pedra", a criança que está de fora escolhe um companheiro de roda, que lhe dá a mão e continua rodeando o castelo. E assim sucessivamente, até que, desfeito o castelo, todos cantam a última estrofe e batem palmas no ritmo da melodia, enquanto a Margarida faz corrupio com a criança que iniciou a brincadeira.

 

Letra
Onde está a Margarida
Olê, olê, olá
Onde está a Margarida
Olé, seus cavaleiros
Ela está em seu castelo
Olê, olê, olá
Ela está em seu castelo
Olê, seus cavaleiros
Mas eu queria vê-la
Olê, olá, ola
Mas eu queria vê-la
Olê, seus cavaleiros
Mas o muro é muito alto
Olê, seus cavaleiros
Tirando uma pedra
Olê, olê, olá
Tirando uma pedra
Olê, seus cavaleiros
Uma pedra não é nada
Olê, olê, olá
Uma pdra não é nada
Olê, seus cavaleiros
Tirando duas pedras
Olê, olê, olá
Tirando duas pedras
Olê, seus cavaleiros

 

... e assim por diante, tantas quantas
forem as pedras (pessoas) que compõem o muro


Última estrofe
Apareceu a Margarida
Olê, olê, olá
Apareceu a Margarida
Olê, olê, olá

Enviar link