Cultura

Manifestações Culturais Tradicionais

Senac
  • Logo Senac Minas
  •  
  • Hotel Grogotó

Festa de N. Sra. do Rosário - Região Cultural Sanfranciscana

Montes Claros
Distância de BH: 417 km.

Acesso: BR 040 no sentido Brasília; a 28 km de Paraopeba, no entroncamento para Curvelo, entrar na BR 135 até Montes Claros.

Época de fundação da Irmandade: século 19.

Período dos festejos: Desde 1880, fazem homenagem a Nossa Senhora do Rosário, São Benedito e ao Divino Espírito Santo, na semana do dia 15 de agosto.

Manifestações Culturais Típicas de destaque:
Guarda de Marujos com seu bandeireiro que faz uma coreografia no cortejo puxando a guarda digna de observação

Guarda de Caboclos, Caboclada ou Caboclinhos formadas com crianças de 7 a 10 anos com o Caciquinho e seis adultos, a Cacicona, chefe do grupo que dá ordens através do Caciquinho, papai e mamãe, vovós e o pantaleão.

Guarda de Catopés com suas letras musicais que são ímpares nos festejos do Rosário.

Fazem o teatro da chegada da Nau Catarineta.

Artesanato típico, que se faz presente nas barraquinhas: Cerâmica - potes, pratos, presépios e miniaturas; couro cru - sandálias, bruacas e chicotes; couro curtido - bolsas, carteiras, etc; além de madeira, palha, chifre de boi, vidro, fios, fibras e metal.


São Romão
Distância de BH: 511km.

Acesso: BR 040 no sentido Brasília; a 28 km de Paraopeba, no entroncamento para Curvelo, entrar na BR 135 até Curvelo; após Corinto, entrar na BR 496 até Buritizeiro; em seguida, tomar a MG 161 A 16 km de Buritizeiro e seguir até São Romão. A melhor alternativa é subir a BR 135 em direção à cidade de São Francisco; a 10 km de Mirabela, entrar à esquerda na BR 202; em Brasília de Minas, continuar na BR 202 até às margens do Rio Francisco onde se pode fazer a travessia em balsas para São Romão.

Época de fundação da Irmandade: século 18.

Período dos festejos: outubro.

Manifestações Culturais Típicas de destaque:

O Cortejo do Reinado de Nossa Senhora do Rosário puxado pelas guardas de Caboclos e de Congo. É um dos Reinados que mantém maior número de Manifestações Folclóricas tradicionais do Ciclo do Rosário.

  • Cavalhadas.
  • Dança de São Gonçalo. 
  • Batuque.
  • Bumba meu boi
  • Cantigas de viola
  • Leilões 
  • Durante os festejos, pode-se assistir também a cantoria das Pastorinhas, apesar de ser uma manifestação típica do Ciclo Natalino.


Moema

Distância de BH: 162 km

Acesso: BR 381 no sentido São Paulo; após Betim, entrar à direita no entroncamento para a BR 262 e seguir em direção a Uberaba até o entroncamento à esquerda para Moema, a 28 km depois de Bom Despacho.

Período dos festejos: em julho.

É com muito gosto que as Guardas de Congado de Moema fazem sua festa em homenagem a Nossa Senhora do Rosário. É um Reinado que vale a pena assistir pois, a cidade toda se envolve com os festejos.


Paracatu
Distância de BH: 492 km.

Acesso: BR 040 no sentido Brasília.

Época de fundação da Irmandade: século 18.

Festejos: as festas de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito têm início na segunda-feira, após o domingo de Pentecostes.

A Irmandade de Nossa Senhora do Rosário de Paracatu é uma das Irmandades do Rosário mais antigas de Minas Gerais. Já a Irmandade de São Benedito surgiu no século 19. É na Capela do Rosário, com características do século 19, que os devotos se encontram para festejar os dois Santos, pois lá também está exposta a imagem de São Benedito.

Uns oito dias antes de começar o novenário, um grupo de homens mascarados e vestidos de maneira curiosa sai pelas ruas cantando e dançando numa coreografia típica que é a Caretada. Nessa ocasião, o grupo visita os devotos da região anunciando a programação da festa. Cantam e dançam horas a fio e ganham quitandas e farofas como agrados das famílias que os recebem em suas casas. Atualmente, existem seis grupos no município. A apresentação é mais simples, porém, bastante colorida.

Antigamente, os Cavaleiros marcavam os festejos. Eram cinqüenta Cavaleiros Negros ricamente vestidos, montados em selim com caçambas em prata, e ainda, cinqüenta Cavaleiros Porta-estandartes, também adequadamente fardados e munidos de espadas, portando os estandartes de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito. Normalmente, os objetos em prata, como os selins e espadas, eram emprestados pelos Senhores da Região.

Dentre as Manifestações Culturais Típicas dessas festas, destaca-se o Reinado de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito puxado pelas Guardas de Moçambique e Guardas de Catopés. As Guardas de Moçambique usam saias sobre as calças enquanto que as de Catopés não incluem a saia na vestimenta.


Região Cultural Mineira do Vale do São Francisco

  • Bambuí 
  • Lagoa da Prata - Última semana de Agosto
  • Montes Claros - Segunda semana de Agosto
  • São Romão - Outubro
  • Bocaina de Minas
  • Luz Segunda quinzena de Agosto
  • Abaeté - Segundo semestre -Data móvel 
  • Paracatu - São Benedito - 29 de Junho
  • Bom Despacho - Primeira quinzena de Agosto / l5 de Agosto
  • Moema - Agosto
  • Dores do Indaiá - 15 de Agosto 

Enviar link