Cultura

Manifestações Culturais Tradicionais

Senac
  • Logo Senac Minas
  •  
  • Hotel Grogotó

Região Cultural do Nordeste Mineiro

Materiais mais utilizados:

Reino mineral -
pedras preciosas, pedra sabão (esteatita do Serro), argila, ouro e diamante.

Reino vegetal - fios de algodão variados, taboa, palha de bananeira, capim, sempre-vivas, coco, bambu, taquara e madeira de várias qualidades.

Reino animal - couro, chifre e lã.

Produtos industrializados - folha de flandres, retalhos, papel crepom e de seda principalmente para ornamentação dos festejos religiosos.


Onde encontrar:
Vale do Jequitinhonha:
cerâmica utilitária e ornamental, colchas de tear bordadas, bróias ou brolhas, bordados, crochês, artigos domésticos de funilaria como lamparinas e bules, instrumentos de trabalho em madeira como pilão e monjolo.

Berilo: artesãs do “tear mineiro”, que usam fios de algodão com grande criatividade. Elas tecem em várias padronagens e tipos de desenhos e fazem a coloração dos fios de forma natural, utilizando cascas de madeiras como angico, aroeira, mirixi, jenipapo, etc. Dentre a produção, destacam-se colchas, tapetes, almofadas, capas, caminhos de mesa, etc.

Caraí: cerâmica figurativa e artigos em taboa.

Salinas, Riacho dos Machados, Santana do Itinga, Minas Novas e Taiobeiras: cerâmica utilitária.

Riacho dos Machados: cerâmica tipo Maria Buçu.

Jequitinhonha: artigos em couro como selas, chapéus e alforjes.

Araçuaí: moringas, talhas, bonecos, brinquedos, peças utilitárias como panelas, fruteiras e enfeites de cerâmica de vários tipos, nas cores cinza, branca e vermelha. Vasos com flores e plantas desidratadas, objetos em vime, tecelagem, inclusive, algumas curiosas peças feitas com pedras do Rio Araçuaí. O Beco da Sola, uma rua onde se concentram os artesãos do couro, merece ser visitado. Ali, são encontrados arreios, chapéus, selas e outros adereços de montaria.

Capelinha, Turmalina e Minas Novas: rendeiras.

Chapada do Norte: artigos em palha de bananeira.

Brasília de Minas: capim, bambu e taquara.

Diamantina e Serro: joias de coco e ouro, tapetes arraiolo, objetos ornamentais de flores secas como estrelinhas, sempre-vivas e cabeça de nego.

Serro: pedra sabão (esteatita).

Joaíma e Turmalina / Distrito de Veredinha: cestaria doméstica.

Couto de Magalhães: santeiros.

Artistas populares regionais: 

Berilo
Leontina Gonçalves de Oliveira Amaral
Ester Amaral Machado dos Santos 

Diamantina
Levi Martins      

Caraí
Noemisa

Araçuaí
Adão
Josefa Alves dos Reis – Dona Zefa -, entalhadora em madeira
Márcio Barbosa, entalhador em madeira.

Enviar link